Dormente de Aço •

 

INTRODUÇÃO

Com o aumento da pressão ambiental na utilização de madeiras nobres na fabricação de dormentes e com sucessivos aumentos de carga por eixo e as velocidades dos trens de todo mundo. As empresas ferroviarias vem cada vez mais se adaptando com exigencias e cuidados severos com respeito à estabilidade da linha ferrea obrigando por parte dos ferroviarios a adoção de medidas rigorosas na implementação de dormentes e peças para ferrovias.

A MIMF MATESFERRO (Industria de Materiais Ferroviarios LTDA). Como uma das grandes fabricantes de materiais ferroviarios do Brasil, entra no mercado oferecendo mais uma alternativa a exigencias e cuidados que as empresas ferroviarias do Brasil e do Mundo tem se obrigado, esta alternativa é o DORMENTE de aço MIMF.

Ver Fotos

TIPOS DE FIXAÇÃO

Fixação com grampo elástico P 2009
Esta fixação utiliza dormentes com olhais estampados soldados ou com dormentes furados para utilizar ombreiras com gancho
Fixação com grampo elástico EGG
Esta fixação utiliza dormentes com ombreiras laminadas soldados ou com dormentes furados para utilizar ombreiras com gancho

Obsevaçoes

  1. Os dormentes furados em qualquer bitola podem ser fornecidos com 4 e 8 furos ou 10 furos sob encomenda
  2. Todos os dormentes poderão ser fornecidos de forma a aceitar placas ou sistemas de isolação conforme exigencias dos clientes.

TIPOS DE FIXAÇÃO

  • Bitola Larga
  • A Separação dos trilhos mede 1,60m entre boletos e comprimento de 2,80m
  • Bitola Standard
  • A Separação dos trilhos mede 1,435m entre boletos e comprimento de 2,65m.
  • Bitola Estreita
  • A Separação dos trilhos mede 1,00m entre boletos e comprimento de 2,20m.
  • Bitola Mista
  • A uniao das bitolas largas e estreitas,
  • onde as separaçoes dos trilhos medem 1,60m a 1,00m

 

DIMENÇÕES DA SEÇÃO TRANSVERSAL DO DORMENTE METALICO

CARACTERISTICAS FISICAS DA SEÇÃO TRANSVERSAL

  • Seção transversal : F = 36,25 cm²
  • Peso teórico : G = 28,46 Kg/m
  • Momento de inércia em relação ao eixo X-X : Jx = 277,5 cm^4
  • Momento de inércia em relação ao eixo Y-Y : Jy = 2393 cm^4
  • Módulo de resistencia superior: Wo = 103,16 cm³
  • Módulo de resistencia superior: Wu = 43,98 cm³

PROPRIEDADES MECANICAS DO AÇO

  • Resistência a tração : Rt = 510 - 620 Mpa
  • Alongamento : A = 18 %

HOMOLOGAÇÃO

  • Os dormentes da MIMF foram avaliados e aprovados pelo LabEDin (LABORATÓRIO DE ENSAIOS DINÂMICOS) do centro de tecnologia da UNICAMP através dos seguintes ensaios.
  • Cargas ciclicas combinadas (tesoura), submetido a um carregamento que variou de 19,1KN a 191KN, sob uma frequencia de 5Hz durante 3x10 ciclo
  • Ensaio de encaixe das fixações (Arrancamento e torques), submetido a um torque em cada inserção separadamente de 339KN.m mantido por 3 min., os elementos embutidos resistiram a uma força de arrancamento de 60 KN sem ocorrer deformações residuais
  • Ensaio da suspensão das fixações, para verificação do afrouxamento dos encaixes ou soltura dos elementos de fixação
  • Ensaios dinamicos das fixações, submetido a uma carga senoidal no valor maximo de compressão de 133,5 KN e tração de 11,4 KN Ensaio longitudinal das fixações, para verificar o deslocamento do trilho ou translação e rotação dos trilhos

 

 
 

 

 

Home PageHistóricoLocalizaçãoContatoProdutosEstampariaExportaçãoMat. Usados
TrilhosTirefõesTalasParafusosGramposPorcas e ArruelasPlacas
Copyright © 2000 - M.I.M.F.  Todos os direitos reservados